O Prefeito de Ji-Paraná, Isaú Fonseca, anunciou o reajuste salarial de 6% aos servidores efetivos da Administração Municipal e o pagamento do Piso Nacional dos Professores da Secretaria Municipal de Educação. O anúncio foi realizado na manhã desta terça-feira (7), durante coletiva de imprensa, no Gabinete Principal do Palácio Urupá. A medida irá acrescentar mais de R$ 500 mil à folha de pagamento mensal da Prefeitura de Ji-Paraná.

O reajuste dos servidores foi celebrado pelo Prefeito de Ji-Paraná, Isaú Fonseca, que também garantiu que a Administração Municipal seguirá valorizando os trabalhadores da Prefeitura de Ji-Paraná.

“Todos os anos vamos trazer a valorização para a nossa pauta, dialogando e debatendo, mostrando que o servidor merece ser valorizado. Algo que não acontecia, em gestões anteriores, agora está sendo feito na nossa administração”, afirmou o prefeito.

O Projeto de Lei 3.113, de 6 de junho de 2022, de autoria do Poder Executivo, foi assinado pelo Prefeito Isaú Fonseca e encaminhado à Câmara Municipal de Ji-Paraná (CMJP), onde deverá ser apreciado pelos vereadores na sessão desta terça-feira.

“Está sendo aplicada a devida valorização aos servidores, especialmente aos professores, que tanto batalham para formar todas as outras profissões. Acredito que, ainda nesta sessão, votaremos o projeto de lei e vamos o reencaminhar, na quarta-feira [8], para a sanção do Prefeito Isaú”, declarou o vereador Welington Fonseca, presidente da CMJP.

O secretário de Educação de Ji-Paraná, Jeferson Barbosa, também comemorou o reajuste dos servidores efetivos da Prefeitura de Ji-Paraná e o pagamento do Piso Nacional dos Professores, definido em R$ 3.845,63, o que, segundo ele, valoriza os educadores do município.

“Essa é uma demonstração que a gestão Isaú Fonseca ouve e valoriza os nossos servidores. No ano passado, já realizamos o pagamento do biênio e do 14º salário aos professores. Agora, chegou a vez do Piso Nacional”, comemorou o secretário.

Com a aprovação da Câmara, o piso dos professores será depositado a partir da folha referente ao mês de junho, além do pagamento retroativo, em cinco parcelas, referentes aos meses de janeiro, fevereiro, março, abril e maio.

“É uma luta que nós educadores estávamos aguardando, desde janeiro, quando foi anunciado o reajuste nacional. Agora é o momento de comemorarmos essa conquista, pois todos estavam ansiosos aguardando por esse reconhecimento”, garantiu a professora Leia Teixeira.

Jônatas França, secretário municipal de Administração (Semad), informou que reajuste de 6% se estende a todos servidores da administração direta e indireta, incluindo órgãos como a Autarquia Municipal de Trânsito e Transportes (AMT), Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados de Ji-Paraná (Agerji) e Fundação Cultural de Ji-Paraná (FCJP).

“Vale ressaltar que, para aqueles professores que, mesmo com o reajuste salarial, não atingirem o piso nacional, será destinado um complemento na folha de pagamento, para que todos recebam o valor designado pelo Governo Federal”, explicou o secretário da Semad.

O presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais (Sindsem), Valcir de Souza, os vereadores Lourenil Gomes e Wanderson Araújo, professores e servidores da Semed também participaram do anúncio do reajuste. 

Fonte/Autor:

Assessoria